Sua Alteza Real a Princesa D. Maria Elisabeth de Orleans-e-Bragança, Senhora Pablo Trindade de Souza. Uma das trinetas primogênitas de D. Isabel — e, também, homônima, já que o prenome Elisabeth significa Isabel.

D. Maria Elisabeth nasceu no Rio de Janeiro, em 01 de março de 1982, sendo primogênita do Príncipe D. Francisco e da Princesa D. Claudia de Orleans-e-Bragança, nascida Claudia Regina Martins Godinho.

D. Francisco é filho de D. Pedro Henrique (1909-1981), neto e sucessor dinástico da “Redentora do Brasil”, e de D. Maria da Baviera (1914-2011).

D. Maria Elisabeth graduou-se em Medicina na Universidade Gama Filho (RJ), em 2005, e fez a especialização em Pediatria no Instituto Fernandes Figueira de 2006 a 2008.

Já pertenceu aos quadros da organização internacional Médecins Sans Frontières, que se dedica a ajudar populações vulneráveis no mundo inteiro; entre 2009 e 2010, D. Maria Elisabeth trabalhou voluntariamente em Moçambique, na África, e Honduras, na América Central.

Casou-se na Igreja da Imperial Irmandade de Nossa Senhora da Glória do Outeiro em agosto de 2011 com o também médico Pablo Trindade de Souza (*1980), especialista em Cirurgia Plástica. O casal tem três filhos e mora no Rio.

D. Maria Elisabeth sucedeu na Presidência de Honra do IDII a sua prima-irmã, D. Isabel Maria Eleonora de Orleans e Bragança e Baère de Araújo, que foi desposada pelo Conde Principesco Alexander de Stolberg-Stolberg, em 2009, e vive em Luxemburgo.

 

***

 

Sua Alteza Real a Princesa D. Maria Cristina de Orleans-e-Bragança. Trineta isabelina. Filha de D. João Henrique e neta de D. João Maria (1916-2005), coronel-aviador da Força Aérea Brasileira, que se estabeleceu em Paraty (RJ) nos anos 1950.

D. Maria Cristina nasceu no Rio de Janeiro em 26 de dezembro de 1989, como segunda filha de D. João Henrique e D. Stella, nascida Stella Cristina Corrêa Pinto Lutterbach, descendente do Conselheiro Luiz Antonio Barbosa (1810-1860), presidente das Províncias de Minas Gerais e Rio de Janeiro, senador do Império (Partido Conservador) e ministro da Justiça por alguns meses em 1853, no gabinete presidido pelo Visconde de Itaboraí.

D. Maria Cristina estudou em colégios tradicionais do Rio, em especial na Escola Parque e no Santa Marcelina, onde cursou o ensino médio.

Fez diversos cursos na Universidade Estácio de Sá (Unesa), como Gastronomia (2013), Teatro e Fotografia (2014) e “Animalia” (2015). Estudou, ainda, Roteiro para Série de TV (2020).

É autora de três livros: “Carta de Amor”; “Siwa e Meus Companheiros do Passado e do Presente”; e “Os Pombinhos Apaixonados numa Comédia de Amor”, que está no prelo.

Como roteirista, já atuou em três vídeos para o YouTube, entre eles “As Férias Vão Começar!” e “Que Verão! Que Verão!”.

Engajada em ações sociais, trabalhou na Villa Marina, projeto mantido pelas irmãs do Colégio Santa Marcelina, e também na Escola Municipal Abelardo Chacrinha Barbosa,  na Rocinha.